quinta-feira, 28 de Janeiro de 2010

A pomba branca





Todo o jardim que se preze tem que ter aves. São elas que dão movimento e som. Aliado às cores das árvores e flores, são a combinação perfeita para um lindo jardim.

Um tema interessante e que gosto particularmente é a simbologia. O que significam as coisas para as diversas civilizações, religiões ao longo da História?

Por exemplo, a pomba branca. Como se tornou símbolo da paz? Fui à procura e encontrei. Tudo começou com a arca de Noé. Quando esperava pelo fim do dilúvio, Noé mandou um animal mensageiro para ver se as águas tinham baixado.



O primeiro escolhido foi o corvo, mas nunca voltou. Então Noé enviou uma pomba, na primeira viagem, ela não encontrou nenhum lugar para pousar. Sete dias depois, foi novamente solta e retornou com um ramo de oliveira no bico. Isso, de acordo com a narrativa bíblica, simbolizava a PAZ entre DEUS e os homens. Além disso, o ramo de oliveira significava também que havia encontrato terra

Outra história bíblica, confere a esta ave luz e paz. Assim que Jesus foi baptizado, o espírito de Deus desceu sobre Ele em forma de uma pomba. Desde então, a pomba é associada ao Espírito Santo.

A cor branca também indica ausência de cores representando a luz e a pureza. Desta forma, a pomba da paz teve um impulso diante das guerras nos séculos XX, simbolizando a serenidade.

No inicio dos anos 60 o pintor Pablo Picasso eternizou a pomba branca como símbolo da Paz numa série de gravuras que se tornaram famosas mundialmente.

Outros artistas também ajudaram a popularizar o ícone, que foi utilizado em manifesto e tratado internacionais, como o congresso da Paz de 1949 realizado em Paris.

Diz a lenda que o diabo e as bruxas podem transformar-se em qualquer pássaro, excepto numa pomba branca.

Sem comentários: